Ex.: Agua para elefantes ou Al Pacino
Estopô Balaio

Lançamento:02/03/2017

Direção:Cristiano Burlan

Atores:Diversos depoimentos

Duração:1h28min

Gênero:Documentário

Sinopse:
Há cinco anos, o Estopô Balaio desenvolve um processo artístico a partir das experiências dos moradores do Jardim Romano com as águas das enchentes que assolaram suas vidas durante dez anos. As águas inundam com frequência as casas, as ruas e devastam o cotidiano dos moradores, que são obrigados a reinventar a vida, a criar perspectivas de sobrevivência e de re-existência. A arte se alia a esse processo. São todos atores nesse processo de fabular a própria vida. Todos pactuam com o ato teatral.

Imagens
Videos
Critícas

Nos dias atuais, onde a divulgação está sendo cada vez mais rápida, graças à internet, é bom saber que há pessoas que pensam rápido e usam os recursos tecnológicos para divulgar o que o governo, por vezes, esconde do povo em geral. Quando uma jovem mãe vê uma enchente de proporções arrasadoras invadindo a sua residência, imediatamente ela usa o seu celular para registrar o fatídico dia. Com a colaboração de um jovem cineasta, a ideia ganha forma e se tornando um documentário, onde registra a luta desses moradores perante a falta de recursos que deveriam vir do governo.

Dirigido Cristiano Burlan, o documentário registra o dia a dia e depoimentos dos moradores do Jardim Romano de São Paulo que, de tempos em tempos, sofrem com as enchentes que arrasam as suas casas. Além de conhecermos algumas dessas pessoas, que convivem com essa tragédia, o documentário registra o nascimento de um grupo artístico, o Coletivo Estopô Balaio. A intenção do grupo é fazer espetáculos para entreter os moradores, mas ao mesmo tempo, fazer uma crítica com a situação das…

Continue lendo...